Marido obediente, esposa safada

Marido obediente, esposa safada

MARIDO OBEDIENTE, ESPOSA SAFADA

ano e meio de casado com Rita, eu moreno claro 36 anos trabalhador e honesto, ela morena escura 27 anos um belo corpo e um fogo insaciável.

Namoramos por dois anos, sou muito apaixonado por ela, acho que ate por isso aceito o que ela faz comigo.

Sou caseiro, gosto de cozinhar, arrumar a casa, também gosto de pescar e jogar futebol.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A Rita e mais farrista, ela adora samba, pagode e gosta muito de uma cerveja, alem de tudo ela adora sambar e cantar, sempre sai com suas roupinhas provocantes e fica muito sensual pois ela tem um corpo maravilhoso.

Vivemos bem apesar das dificuldades do dia a dia, mais de um tempo para Ca a Rita começou a sair mais na noite com suas amigas do trabalho, passou a chegar principalmente as sextas e nos finais de semana bem tarde em casa.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Eu sempre fui passivo com ela, apesar de ter ciúmes nunca fui extremo, acontece que de uns tempos para Ca apesar de não ter efetivamente provas, acho que estou sendo corneado, ela todas as sextas sai para trabalhar arrumada para a noite e me fala que vai do emprego direto para a noite com as amigas, e o mais engraçado e que ela não me convida para ir juntos, já discuti com ela sobre isso e ela foi bem clara dizendo que não da certo marido e mulher na balada a noite, que iria dar problema e coisa e tal, então eu falei então porque ela não sai so comigo ou então fica em casa?

Então ela disse que eu já conheci ela assim e que não mudaria e que se eu não concordasse que eu procurasse uma mulher que fosse mais caseira pois ela não seria a dona de casa que eu queria.

Eu tinha medo de perde-la, então fui aceitando isso, ela sai todo final de semana, chega bêbada em casa tarde da noite, isso quando não volta so no dia seguinte, e o pior e que fica dormindo ate tarde e eu e quem tem que providenciar a comida a arrumação da casa e cuidar das roupas, porque isso ela cobra se não tiver comida pronta, roupa limpa e casa arrumada ainda levo esporro, ela apesar de mais nova e muito brava, esta sempre falando áspero comigo , mais tenho que reconhecer eu sou bem passivo em relação a ela, deixo ela fazer isso e para falar a verdade, gosto disso fico ate um pouco exitado com algumas situações onde ela fala mais rígido comigo .

Era quinta feira ela me falou que no dia seguinte sexta ela e as amigas iriam em um pagode comemorar o aniversario de uma delas e que iria direto do trabalho e chegaria tarde, então eu discordei pois havíamos combinado de fazer uma faxina na casa e depois prepararmos uma rabada, então ela falou: bem a faxina você pode fazer sozinho aliais você sabe muito bem que eu não gosto de fazer serviço de casa e a rabada deixamos para o outro final de semana, outra coisa preciso que você lave aquelas roupas que estão no sexto pois já estão acumuladas de duas semanas se não daqui a pouco vou ter que andar pelada, já anda quase pensei comigo. Ameacei falar alguma coisa mais ela sentiu e me olhou com aquele olhar do tipo, o que foi, não gostou? Então ela sentiu que eu recuei e falou bom já falei o que tinha que falar e já estou saindo, me deu um beijo e foi para o trabalho .

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A noite quando chegou em casa, ela trouxe uma sacola com algumas peças de roupa que tinha comprado, tirou da sacola e me mostrou olha meu amorzinho o que eu comprei para o aniversario da minha amiga hoje, na verdade comprei para presentea-la mais gostei tanto posso ficar pra mim? So que não tenho dinheiro para pagar, comprei fiado e tenho que pagar na segunda, você deixa amorzinho, falou toda dengosa, então quando ela me mostrou engasguei era uma sainha colorida mais muito curta e ainda tinha uma fenda na frente e um top branco muito decotado, fiquei pensando comigo, sei que ela tem um corpão mais com essa roupa ela ficaria muito vulgar, muito oferecida, então ela percebendo se adiantou o que foi , vai dizer que não gostou?

Gaguegei e falei gostei sim meu amor esta linda so que achei muito curta. Então ela falou e qual e o problema e pra ficar curtinha mesmo ou você não quer ver a sua mulher bem gostosa, e nt&atild e;o falei eu quero, mais não quero que os outros homens fiquem te olhando, ah para com isso amor, ciúmes agora, qual e o problema deixa eles olharem, afinal olhar não arranca pedaço não e? ta bom falei, então ela me deu um beijo e apertou o meu pau que a essa altura já estava duro, fomos para o sofá e demos uma trepada gostosa.

Ela me faz gozar muito, ela gosta de vir por cima e tem um remelexo que me deixa louco, sei bem que meu pau não e essas coisas, as vezes penso que não a satisfaço mais ela nunca falou nada, enquanto estava mexendo por cima ela me falou amorzinho já imaginou amanha a sua mulher toda gostosa nessa roupinha que você me deu na festa da minha amiga, os homens vão ficar babando não vão? Puta que pariu foi ela falar isso e eu gozar feito um louco,

Vão meu amor eles vão ficar malucos querendo meter com você, não acreditei q ue falei isso, ela então sorriu e falou e isso mesmo amorzinho assim que eu gosto um maridinho conciente que tem uma gostosa em casa e na rua e não fica com ciúmes não e amor?

Também não e assim e claro que eu fico com ciúmes, ah para com isso vai falou ela, deixa de bobagem, vou tomar um banho bem gostoso, trás a toalha pra sua mulherzinha trás, falou isso e saiu balançando aquela bunda gostosa, o meu pau não queria amolecer, estava muito exitado com tudo isso e não conseguia dizer não para ela, ela tem o poder de me dominar e fazer tudo o que quer.

Manha de sexta feira levantei bem cedo comprei pão, fiz o café, deixei tudo prontinho para quando a Rita acordar não tivesse trabalho nenhum, então fiquei imaginando um monte de coisas com ela a noite já que iria para a farra e o maridinho ficaria em casa, fiquei exitado então peguei a roupinha que ela ia arrumei na cadeira bem esticadinha e fiquei imaginando mil coisas, estaria ficando maluco?

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Então senti a respiração dela no meu cangote, ela me deu um beijo por trás e me falou, muito bem maridão estou vendo que já arrumou a roupinha da night da sua mulher assim que eu gosto bem obediente, quando ela falou assim me senti um verdadeiro corno fiquei muito exitado e parti para cima dela fui tirando a sua camisola e a beijando e ela como sempre muito fogosa me correspondeu, falando ta taradinho e? ta imaginando o que hem? Acho que você quer me falar alguma coisa não quer n&atilde ;o?, n&a tilde;o falei eu quero e te comer minha gostosa.

Fomos ambos trabalhar, meu dia foi uma loucura de agitado, a tardinha ela me ligou e pediu para que eu colocasse a roupa na maquina de lavar e que desse um jeitinho na casa, já que eu ficaria em casa e ela na farra, brincou comigo, se comporta hem , falei.

Dei uma boa faxinada na casa, coloquei as roupas para lavar, e como não sou de ferro, tomei umas cervejinhas que tinha comprado, já eram quase uma hora da manha quando resolvi parar, fui tomar um banho e ficar esperando a Rita.

Quase cinco horas da manha e nada da Rita não sabia se ligava pois ela poderia não gostar, mais não resisti, liguei, porem so dava caixa postal, liguei varias vezes e nada, então cochilei no sofá, acordei assustado com o barulho das chaves na porta , olhei o relógio, eram sete e meia da manha, a Rita chegou entrou em casa rindo e falando alto, logo vi que estava bêbada , ela não conseguiu nem fecha a porta, então me falou já acordou amor?

Sim respondi olhando ela toda descabelada, cheirando a álcool e não se aguentando em PE, fui ao seu encontro e dei um beijo, senti um gosto diferente, então ela falou me da uma água ai amor, to com sede, f ui na co zinha pegar, quando voltei não achei ela fui ate o quarto e ela estava jogada de bruços na cama apagada, caramba pensei comigo que porre, ajeitei ela na cama, virei ela de frente, coloquei um travesseiro em sua cabeça, tirei a blusa dela e percebi logo que seus peitos estavam cheios de marca que parecia ser chupoes, fiquei olhando sem acreditar, seria mesmo, olhei bem de perto não tinha duvida, estava cheio de marcas, minha cabeça girou a mil, puchei a sua sainha e tirei a sua calcinha minúscula, quando fiz isso logo vi escorrer de dentro da sua vagina aquele liquido branco viscoso, porra que merda, a mulher estava com a buceta cheia de porra, puta que pariu, fiquei nervoso, e ao mesmo tempo exitado, e sem saber o que fazer, então peguei o o telefone iria fotografar e mostrar a ela quando acordasse, depois desisti, de que adianta falei?

Enfiei o dedo na vagina dela e quando fiz isso saiu muito liquido La de dentro, entã o pensei , porra essa safada trepou a noite toda, mais como isso ficou ai sem sair ate agora? fiquei pensando e so achei uma explicação, ela teria trepado com algun homem ali mesmo perto de casa ou mesmo em nosso quintal so podia ser isso.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Porra corno sabido e foda e agora, peguei umas toalhas, umideci com água e limpei ela , dei meio que um bando com as toalhas, coloquei um creme na Mao e passei em seu corpo, esfregando principalmente nas marcas dos seios, fiz isso tudo com o pau quase explodindo de duro imaginando a minha mulherzinha na pica de outro macho.

Deixei ela dormindo e fui comprar pão para o café da manha, porem acho que ela so acordaria para o almoço pela hora, resolvo então já ir preparando o almoço, queria assistir o jogo no bar pois não tenho assinatura a cabo e não passaria em canal aberto, mais não sabia se a Rita iria comigo , também estava ansioso para que ela acordar para ver o que ela iria me falar sobre a noitada, pensava naquela porra dentro da sua buceta e ficava exitado, queria fode-la, corri para o banheiro e me masturbei imaginando minha gostosa trepando com outro, será que estou ficando louco? Pensei.

Levei o maior susto com a porta do banheiro abrindo e a Rita entrando me dando o maior flagrante com o pau na Mao na hora da gozada, puta merda, ela começou a rir, que isso maridinho não to dando conta do recado não?

E caiu na gargalhada, fica ai gastando depois não sobra pra mim hem, e continuou rindo, ent& atilde;o ela veio em minha direção pegou meu pau e começou a chupar o restinho de porra que ainda estava saindo. Hummm gostoso, adoro porra amor, falou isso olhando com aqueles olhinhos de safada bem na minha cara. Nos limpamos e eu perguntei se ia tomar café ou ia almoçar direto, pois já tinha feito o almoço.

A Rita então me falou que tomaria so um gole de café e iria se arrumar pois tinha marcado de ir a praia com as amigas, como a praia? Perguntei hoje e domingo não vai ficar comigo?

Ah, deixa de ser bobo estou com você todos os dias, preciso relaxar. Então eu falei e você anda relaxando muito já não chega ontem? quando eu falei isso ela logo engrossou, o que tem ontem? Algum problema? Problema nenhum só gostaria de ficar mais com você. Temos a vida inteira meu amor isso se você não ficar me perturbando, pega minha saída de praia no varal para a adiantar enquanto tomo o café que a minha carona já deve estar chegando e eu nem me arrumei.

E, pensei essa mulher não tem jeito mesmo, to ferrado, então fui fazer o que ela mandou, pegar a saída de praia no varal, quando voltei ela estava colocando o bikini, que coisa gostosa era ver a minha mulher de bikini, uma bundinha redondinha maravilhosa uma bucetinha gordinha e seus seios maravilhosos, fiquei exitado tentei agarra-la então ela me afastou ei calma ai que to atrasada, pode parando, quando eu voltar penso no seu caso, fiquei ali na Mao de pau duro vendo a minha mulherzinha indo para a frente da casa, então lembrei do jogo e falei, vou assistir o jogo no bar a que horas você vai voltar?

Então ela me falou, não sei to de carona, mais não vai para o bar não fica em casa pois quando você vai para o bar alem de muito volta bêbado, poxa falei mais so vou ver o jogo, naaao disse ela, se sair quando e u voltar não vou transar com você entendeu? Fiquei puto da vida mais falei ta bom.

Então parou um carro na frente de casa com um rapaz moreno sem camisa e então ela entgrou no carro deu dois beijinhos nele e saíram, porra falei , que merda e essa assim também não, peguei o telefone e liguei pra ela, logo ela atendeu estava rindo muito pude escuta ela falando para com isso seu bobo. Então eu falei o que e isso Rita, o que esta havendo?

Como assim meu amor falou ela? Quem e essse cara que você entrou no carro? E o irmão da minha amiga amor ele passou ai em casa primeiro e agora vamos pegar as outras pessoas qual e o problema? Falei olha Rita depois vamos conversar não estopu gostando nada disso. Olha aqui amor falou ela não enche o meu saco não ta bom, tchau. Continua……

Deixe um comentário