Ao volante

Saímos de casa, entramos no carro, ela dirigindo e eu no banco do carona. Ela ligou o rádio, como de costume, abriu um pouco as janelas, e fomos rodar pelas ruas no dia nublado com um tímido sol entre as diversas nuvens. Não tirava os olhos daquela mulher maravilhosa, com cara de séria de olhos … Ler mais

Puta por um dia

Não sei o que me deu, não lem­bro direito como come­çou o assunto, se foi fazendo ana­li­ses sobre os mar­gi­nais da soci­e­dade capi­ta­lista judaico-cristã oci­den­tal, se minha curi­o­si­dade se uma pros­ti­tuta metia tão bem que nenhuma garota comum pode­ria fazer sexo melhor do que ela, ou qual­quer coisa do gênero, só sei que falando com … Ler mais

Festinha de final de ano

“Sempre quis comê-la. Sim, comê-la, nada de fazer amor, nheco-nheco, dar umazinha… queria fudê-la. Mas ela era casada, e pouco tempo depois ele se casou. Eram colegas de repartição, mas falavam-se pouco no trabalho. Sempre notou que ela o olhava com um olhar de… curiosidade. Não era ‘desejo’ ou ‘vontade’, parecia uma curiosidade mesmo. Mas curiosidade de quê, ele … Ler mais