Trai meu namorado no provador

Trai meu namorado no provador

TRAÍ MEU NAMORADO NO PROVADOR

Bom primeiramente me chamo Rafaela, tenho 18 anos, moro em paulista, Pernambuco e venho contar outra historinha pra vocês, rs

Estava eu, na casa do meu namorado, mexendo no celular quando derre pente minha amiga me manda uma mensagem falando

“Amiga, vou comprar roupar vamos comigo para não ir sozinha”

A principio iria recusar pois estava com muita preguiça mas no final de tudo ela me convenceu, falei pro meu namorado que ia pro shopping com uma amiga (Até mostrei a conversa) pq ele é muito ciumento rs, chegando lá foi tudo normal, conversamos de tudo um pouco, até que chegou num papo sobre “politica” na qual ela era uma bolsominion af mas como era minha amiga relevei,

Papo vai papo vem eu solto essa

“Como tu pode votar num cara que é contra os gays e negros, se ele é e você apoia ele você tambem tem o mesmo pensamento dele”?

Ela pegou e respondeu

“Isso não é verdade, ele não é contra nada, inclusive como posso ser contra gays se amo beijar garotas”

Ela falou isso olhando fixamente nos meus olhos e logo depois encarou por uns 5 segundos minha boca, logo de cara me subiu um frio na barriga pois mesmo namorando eu tenho vontade de ficar com garotas e fico sempre quando dá,

Daí ela deu um sorriso segurou minha mão e me levou pra olhar as roupas, logo depois ela soltou

“O que foi amiga?”

eu disse

“Nada, fiquei surpresa que você fica com garotas”

ela respondeu

“Que nada amiga, gostasse da noticia foi”?

eu respondi

“Amei amiga, pena que eu namoro”

ela disse

“Que besteira, tem um provador ali, e ele nunca vai saber”.

continua depois da publicidade

Quando ela falou isso senti minha buceta piscar, pois embora eu ficasse com meninas e traísse meu namorado eu nunca pensei em ficar com ela pois ela era muito linda pra ser verdade e como eu já estava no ponto de que quando estava transando com meu boy eu me imaginava chupando uma buceta resolvi ceder,

Não respondi nada, ela apenas me guiou, Ela pegou duas blusas para a gente “provar” e fomos para o provador, entrando no provador logo de cara ela me dá um beijo bem gostoso, o melhor beijo da minha vida, minha calcinha ficou toda babada,

Nos beijamos por 5 minutos sem parar, até que eu percebo ela passando a mão ao redor do meu peito e apertando ele o que me deixava com mais tesão ainda, pedi para ela parar por que estava com medo de alguém escutar, mas ela não parava,

Foi quando resolvi tomar uma atitude e tirei a blusa dela que por sinal, que peito maravilhoso, ele era bem rosinha, puxado do médio para o grande que um piercing nos dois peitos quando olhei eles na minha frente, aquela coisa maravilhosa,

Fui logo mamando os peitos dela como se não houvesse amanhã, cada vez que eu chupava mais ela gemia com a mão na boca para abafar e ninguém ouvir, fiquei muito tempo chupando aquele peito maravilhoso, até que ela chupou o meu, fui a loucura não conseguia parar de gemer,

Minha vontade já era de esfregar minha buceta com a dela, porém era arriscado demais e não dava pois o provador não era muito espaçoso, até que eu pego a mão dela e falo “sente minha buceta, ver como ela tá molhada” ela poem a mão e começa a estimular meu clitóris quanto mais ela estimulava mais eu gemia no ouvido dela,

Até que ela falou no meu ouvido ” Por favor, me deixa chupar essa buceta, o corno do teu namorado não vai saber” quando ela falou isso, não sei por que mais me excitou mais ainda e não consegui recusar, tirei o short, e ela foi beijando minha barriga..

Beijando minha buceta por cima da calcinha, ela falava que minha buceta era muito cheirosa, até que ela começou a me chupar e dar dedadas, não demorou 4 minutos e eu gozei na boca dela, me tremi toda, e ela engoliu tudo e logo veio me beijar,

Minha língua com a dela sentindo o meu próprio gozo, depois do beijo pedi para chupar a buceta dela, ela de começo não queria pois já estávamos demorando muito, mas eu já estava fora de si, eu queria chupar aquela buceta se não não iria conseguir dormir naquele dia,

Quando ela tira a calça ela estava com uma calcinha micro, florida vermelha que dividia a buceta dela que por sinal aquilo só deixava ela mais gostosa, eu já fui tirando a calcinha dela pra sentir o cheiro daquela buceta, quando senti eu não queria sair dali,

Cheiro de buceta molhada, suor, tudo, deixou tudo mais gostoso, fiquei 1 minutos cheirando e dando beijinhos até que não aguentei e passei a linguá sobre toda a buceta dela, quando fiz isso ela suspirou, fiquei chupando ela sem parar em quando ela falava baixinho

“Chupa essa buceta, teu boy corno nem imagina o que tas fazendo”

Não sei por que mais o fato de ela humilhar meu boy me deixava ainda com mais tesão, e eu chupando, sugando aquela buceta sem parar, até que ela fala

“Não para, vou gozar”

Com um gemido bem baixinho quase faltando voz, até que ela gostou, meu deus, que delicia sentir aquele gozo que saia da buceta dela, chupei tudo, até que ela pediu pra sentir também, e nos beijamos, enfim ela disse que iria querer de novo e eu claro que aceitei,

Ficamos várias vezes, inclusive numa festa que rolou a pouco tempo, chamada Happy Holli, no qual fui com meu boy e encontrei ela lá, aí dei um perdido rapidinho né rs mas isso é outro conto que talvez irei fazer.

Enfim, chegando em casa meu boy perguntou da demora mas nem desconfiou que a namorada dele passou a tarde toda sendo comida e comendo a amiga, alias ele nem sonha que eu amo uma buceta.

 

Deixe um comentário