O dia que recebi a visita da minha amiga

Minha historia começa em uma tarde de verão, quando minha amiga chega para me visitar a anos não nos encontrávamos pois tinha me mudado de cidade para ter minha independência, havia arrumado emprego e estava feliz em minha nova vida.

Ela morava no interior e veio passar uns dias na cidade, e convidei-a a ficar na minha casa, so não esperava os acontecimentos que irei descrever agora.

Já faziam alguns dias que ela estava na minha casa, como eu não era muito sociável amei a companhia dela, estava de férias, passeávamos e nos divertíamos muito, mas ela parecia me olhar diferente e isso me assustava um pouco mas não queria me preocupar com isso.

Certa tarde, estávamos em casa vendo tv, estava quente demais, e tínhamos passado a manha no clube, na piscina, então chegamos e almoçamos e nos mantivemos com roupas mais frescas, quando ela vendo que não tinha perigo de alguém nos pegar, pois já havia se habituado com a rotina da casa, pediu para tirar a parte de cima do biquíni, pq estava quente demais, apesar de não estar acostumada com isso, deixei ela fazer isso, so entao notei o quanto teus seios e teu corpo era perfeito e ela adorava exibi-los.

Fui ate a cozinha, peguei uma cerveja pra gente e nos sentamos para tomar, entao ela me convenceu a fazer o mesmo, tirar a parte do biquíni, porque ela estava ficando constrangida, como estávamos apenas nos duas não me importei e acho que esse foi meu maior erro.

Ao fazer isso, ela começou a colocar o copo de cerveja gelado nos meus seios ate que os bicos ficaram empinados, então ela se aproximou e começou a mamar neles, sugava-os com força e admito isso me dava um certo tesão, meus seios sempre foram sensíveis, então resolvi continuar com o jogo.

Comecei a acariciar os seios dela ate que ficaram duros também, apertava-os em minhas mãos, ate que não aguentei, queria dar o prazer que ela me dava e acabei afastando-a e caindo de boca nos seios dela também, admito que adorei isso, sugava-os devagar, mordia os bicos e escutava o gemido dela, isso me excitava e muito, apesar de não ser lésbica,

Em determinado momento pude sentir as mãos dela roçando minha buceta encima do biquíni, me sentia molhada e repleta de desejo, e ela percebeu isso, me dando um sorriso delicioso, estava de joelhos no sofá, de frente a ela mamando em teus peitos gostosos, parei para tomar um gole de cerveja, e ela tomou no mesmo copo que eu, demonstrando sua cumplicidade comigo naquele momento,

Então me beijou a boca, invadindo-a com sua língua que dançava junto com a minha, quase derrubei o copo, mas ela o colocou sobre o móvel sem deixar minha boca, quando fez isso, colocou sua mão dentro de minha calcinha, estremeci, tentei me afastar, só então ela parou de me beijar e disse ao meu ouvido, não tenha medo,

continua depois da publicidade

Não farei nada que não queria, e não vou machucar você, juro, então como se hipnotizada voltei a brincar com teus seios em minha boca, mamando gostoso, cheia de tesão, ela então tirou minha calcinha, ergui as pernas para que ela saísse completamente, então ela me fez me deitar no sofá e assim tirou sua calcinha também, já estava perdida no mundo dela, cheia de desejo e tesão que não entendia.

Então ela me fez sentar na posição normal no sofá, só que com as pernas abertas e ela no meio, me deu um beijo, enlouquecedor e voltou a sugar meus seios, enquanto manipulava meu grelho com suas mãos, me retorcia, gemia de tanto tesão e isso a agradava mais e mais, então, ela subiu suas mãos para meus seios apertando-os e beijou-me mais uma vez, antes de descer com sua boca para minha buceta melada de tesão,

Começou lambendo-a, com gosto, como se estivesse limpando-a agarrei em seus cabelos tentando afasta-la, mas ela só me olhou, com aquele olhar satisfeito, que me enlouqueceu, não sabia o que estava acontecendo comigo naquele momento, mas me deixei levar pelo desejo, então senti ela mamando em meu grelho ao mesmo tempo que sua mão ágil abria os lábios de minha buceta, então finalmente me penetrou com teu dedo, socando gostoso em quando chupava meu grelho,

Gemia, me retorcia de prazer, ate que não resisti e acabei gozando em sua boca e ela lambeu tudo se deliciando com meu gosto, então se levantou, sentou no sofá, satisfeita, sorriu pra mim, ficamos assim uma ao lado da outra, quando ela começou a se masturbar, cheia de tesão e desejo, então assumi a posição a sua frente beijei-a como em agradecimento do prazer que ela tinha me dado, mamei em teus seios, enquanto a masturbava,

Sentia ela se retorcer, escutava teu gemido e isso me deixava excitada novamente, brincava com minha mão em tua buceta, em um entra e sai com meu dedo, então desci lentamente ate sua buceta e comecei a sugar teu grelho ela se retorcia, chorava, cheia de tesão,e isso me excitava mais, desci com uma de minhas mãos ate minha própria buceta, comecei a me masturbar ao mesmo tempo que chupava a buceta dela e quase que ao mesmo tempo gozamos, lambi tudo o teu gozo também, que delicia de sensações,

Então sentei ao lado dela, não sabia o que falar, ficamos ali não sei por quanto tempo, esperando nosso corpo descansar, voltar ao normal, tomamos banho, e no dia seguinte ela voltou para sua cidade, jamais comentamos sobre o acontecido, foi apenas uma tarde de verão que ficou marcada em mim.

Parte integrante de meu blog… se puderem assinar apenas como Surya.. agradeceria…

tenham um ótimo dia

1 comentário sobre “O dia que recebi a visita da minha amiga

Deixe um comentário