Com fim do Noivado Papai consolo a filhinha

Com fim do Noivado Papai consolo a filhinha

Embora o proibido excita e da tesão isso que vou contar sempre tentei evitar..

Verena era o que podemos dizer, uma verdadeira ninfeta, desde a adolescência já dava pra ver que iria se tornar um mulherão, fogosa e que dificilmente um macho só daria conta.. rs rs.

Sempre de shorts curtos revelando a poupa da bundinha e os bicos dos seios sempre a mostra.
Pois bem, mesmo evitando pensar nisso algumas vezes confesso que fiquei de pau duro, pois ela parecei querer provocar ou ver isso.

Mais sempre bem discreto evitei, de todas maneiras possíveis, porém depois que ela completou os 18 ficou mais difícil resistir, agora ela já tinha malicia, fogo e a determinação para ir atrás do que desejava,,,

Era uma segunda feira e nesse dia tinha ficado em casa, Verena chega da escola toma um banho e vem pra sala…

“Oi Pai(na verdade criei ela dos 12a em diante), que Sr. está assistindo?”

Estava com shorts apertado e curto, como sempre, mais ainda dava pra ver a calcinha enfiada e que estava sem sutiã, pois os bicos estava daquele jeito!

Ela sabia que quando fazia isso eu ficava de pau duro, não era primeira vez que me provocava assim,, porém era primeira vez que estávamos totalmente sozinhos em casa depois que ela terminou noivado.

Então provavelmente ou estava carente ou com raiva, de qualquer maneira estava louca pra fazer algo que eu sempre tentei evitar.

Voltando ao assunto, na hora ela percebeu o volume no shorts…peguei uma almofada joguei em cima e respondi..

“Nada demais, pode trocar de canal se quiser”

Mal terminei a frase, ela deitou por cima de mim forçando com uma das mãos na almofada pra sentir o volume e a outra disfarçadamente pegando o controle da tv..

“Verdade papi, parece que não tem nada na tv.. “

Se levanta e de frente pra mim, com aquele short torando na bucetinha..

“Quer comer?” da um sorriso maroto “Digo quer que prepare algo para nós”

Caralho aquela menina estava mesmo me provocando e sem nenhum escrúpulos, estava evidente que ela estava afim ou de me constranger ou de fazer algo bem proibido..

“Sim querida pode fazer”

Caralho, estava coma mão debaixo da almofada com os pensamentos a mil e o pau latejando de tesão…
Que nem percebo ela voltando..

“Hum papi, parece que o Sr. está afim de comer outra coisa” da aquele sorriso sacana de novo..
“Que isso menina, deixa de besteira”

Verena, tira a almofada de cima olha pra mim e diz..

“Adoro o volume do seu pau, sempre fiquei olhando e Sr. Sabe disso”
“Verena, que isso, ta louca, não podemos fazer isso”

Senta do meu lado de novo,

“Podemos sim papi, não sou virgem e o Sr. sabe, mais tô carente, acabei o ;noivado e preciso de cuidado”

Nisso ela mete a mão no shorts e começa a cariciar…

“Sabe, sempre espiei o Sr e a Mamãe.. Adorava a pegada e como o Sr. metia.. e esse pau é maior do que do Jr., e do mesmo só um pouquinho mais grosso que o do Samuel”

Caralho a safada media os paus e já conhecia..o do Primo Samuel..

Ela tira o Pau pra fora e começa a chupar eu reação já não tinha mais nenhuma

afinal como não querer comer ela!!

Chupava com perfeição,, lambendo a cabeça e descendo até as bolas, depois engolindo tudo de uma vez…e quando ficava coma boca livre olhava pra mim e dizia..

“Ta vendo papi o que perdeu esse tempo todo…sua filhinha é bem safadinha”

Porra aquilo era pra matar de tesão…

E não aguentando mais de tesão… mudei de posição e joguei ela no sofá, abria as pernas…com ela já sem roupa e passei a chupar com vontade aquela bucetinha faminta…

“Aii, caralho,,, chupa, isso chupa gostoso,,, sente o sabor da tua safadinha”

Enfiei dedo no cuzinho…Ela geme,eu alto e gostoso..

continua depois da publicidade

“Ai, Papi.. adoro isso, como você sabia, tem espiado eu me masturbando…”

Caralho com as palavras pervertidas ela conseguia me deixar puto de tesão..

Não aguentei coloquei ela d4…

E meti o pau de uma vez só naquela buceta…

“Era isso que vc queria, sua putinha… esse pau grosso em você toda..”

“Isso Papi,, fode,, mete com força.. me arromba que tô carente”

Caralho aquilo me deixava puto de tesão…

“Aí filhinha, vc é um verdadeiro tesão, vou gozar dentro dessa buceta melada”

Nisso com todo tesão, a metida forte o barulho das bolas batendo.. ela goza…

“Aí Papi,, fiquei toda melada,,, estava precisando gozar gostoso”

Não aguentei e gozei em seguida

“Aíii que saudades de sentir porra quente aqui dentro,,, seu puto safado,,, sabia que essa pika era gostosa só pelos gemidos que eu ouvia”

Essas palavras só aumentava meu tesão…

“Filhinha papai vai comer seu cuzinho “

Aquela bundona gostosa que havia cobiçado algumas vezes em pensamentos agora toda empinada pra mim…

“Vem, paizinho,, mete esse pau grosso, que eu aguento…quero sua porra nele também”

Isso era combustível para meu tesão…

Peguei por aqueles cabelos compridos e comecei a botar a pika com cuidado.. até ir acostumando, logo ela já engolia meu pau …

Então conforme ela foi ficando a vontade,, ia forçando contra… batendo com aquela bunda contra meu pau…

“Hoje vou esfolar essa pika, vai me dar prazer até não aguentar mais,, afinal é pra isso que servem, pra consolar a gente quando estamos carente”

Ela era um misto de safada e meiga…ao tempo que se fazia de puta, se fazia de inocente..

Isso só fazia socar ainda mais…

Depois de vários tapas na bunda , puxadas de cabelo, gemidos

Gozamos novamente…

“Agora vou limpar ele papi”

Chupou gostoso terminando serviço…

“Pai esse vai ser nosso segredinho tah,,, e sempre que precisar baixar meu fogo, você vai ter que comer sua filhinha, se não eu conto pra mamãe”

FDP Além de gostosa e safada era chantagista…

“Não filhinha, vai diferente do que você imagina, isso vai ser nosso segredinho sim,,, mais quem vai me atender quando eu precisar vai ser vc…e da próxima quero você bem obediente e submissa”

Verena da um sorriso e diz..

“Acho que vamos nos entender melhor do que imaginava tenho algumas fantasias e o Sr. vai realizar todas elas”

Não tinha duvida de que isso aconteceria…….

Afinal quem resitiria a uma proposta dessas rs rs.

Deixe um comentário