Eu a namorada e a rosadinha

Tenho 23 anos 1,74, loiro e pele bem clara, minha namorada 21 anos é uma morena clara, seios médios e coxas volumosas, sempre nos demos muito bem na cama, mas a transa mais ousada que tivemos foi no carro (Depois relato essa história).

No final de semana resolvemos ir em uma festa da turma dela, chegamos no fim da tarde e ficamos lá até das 22:00, aproveitamos bastante a festa e bebemos além da conta, encontramos algumas de suas amigas, dentre elas a nossa rosadinha (vou chama-la assim) ela era baixinha, bem branquinha e tem os cabelos avermelhados e bem curtinhos, só de olhar para ela já da para pensar em sexo.

Por ainda estar muito cedo propus que fossemos para minha casa e continuar bebendo, apenas a “rosadinha” topou, fomos então eu, ela e minha namorada. Chegando lá preparei algumas bebidas e começamos a conversar sobre tudo, o assunto acabou esquentando quando a amiga disse:

– Sempre que vou em alguma festa fico com várias pessoas, homens e mulheres, gosto de todos.

Ela dizer isso me deixou ainda mais doido de imagina-la com outras pessoas, minha namorada já sabia que ela gostava dos dois lados, mesmo assim perguntou:

-Ah mas tenho certeza que você gosta mais de um dos lados, e o melhor jeito de saber e qual dos dois prefere chupar?

Sem nem pensar muito a amiga respondeu:

– Gosto é dos dois e se possível ao mesmo tempo hahahha

Nisso ficou um breve silencio, mas logo em seguida todos demos risada e continuamos a conversar. Senti que poderia rolar algo a mais e continue preparando bebidas, coloquei algumas músicas e sempre que podia beijava minha namorada ou mordia seu pescoço olhando pra sua amiga, com o tempo ela fazia cara de safada, percebia que estava gostando.

Estávamos sentados em roda conversando, a bebida já estava fazendo bastante efeitos, minha namorada é bem fraca com bebida, estava até surpreso como ainda estava de pé, as duas estavam conversando quando de repente minha namorada lascou um beijo na amiga, por uns 30 segundos elas se beijaram intensamente, quando pararam minha namorada fala pra amiga:

-Você vai ser nosso brinquedinho essa noite.

Quase não consegui conter a felicidade nesse momento hahaha, apenas sorri e concordei com a cabeça, minha namorada logo se levantou e dirigiu-se para o quarto, antes de ir lasquei um beijo na amiga e ajudei-a a levantar, ela estava super empolgada.

Quando entramos no quarto minha namorada já estava apenas de calcinha deitada na cama, seus seios são a parte que me deixam mais louco, por serem bem durinhos e com marca de sol, eu e a amiga deitamos na cama, e começamos a nos beijar, nos três, mordíamos uns aos outros, beijávamos os pescoços e orelhas, dava pra sentir que os três estavam exalando tesão.

continua depois da publicidade

Ficamos de pé e coloquei a rosadinha de joelhos, tirei a calcinha da minha namorada e terminei de tirar a roupa, meu pau estava enorme e bastante duro, nisso realizamos o desejo da amiga e colocamos ela pra fazer oral em mim e na minha namorada ao mesmo tempo, enquanto ela chupava a namorada terminei de tirar seu sutiã, seus seios eram grandes e por ela sem muito branquinha eles eram muito rosados, seus mamilos estavam bem durinhos de tesão.

Continuei colocando-a para me chupar, enfiava meu pau inteiro na sua boca, ela custava engolir, mas fazia força, eu tirava o pau da boca e dava umas batidinhas no seu rosto. Minha namorada resolveu ajoelhar também e ficou as duas chupando e se beijando, estava doido de tesão com elas enchendo meu pau e bolas de saliva.

Coloquei as duas na cama, e continuamos nos beijando, minha namorada fez questão de tirar o short e a calcinha da amiga com os dentes, sua bucetinha era bem rosadinha e pequena, estava totalmente depilada, quando vi não pensei duas vezes e comecei a chupar, minha namorada fez o mesmo, estávamos revezando quem chuparia mais gostoso enquanto nos beijávamos também. A rosadinha estava tão molhada que coloca meus dedos na sua bucetinha sem dificuldade, ela gemia ofegante.

Depois de muitas preliminares, comecei a meter nelas, fizemos todas as posições possíveis, mas a que gostei mais, foi comendo a rosadinha de frente enquanto minha namorada sentava em seu rosto, deixando-a chupar. A forma como as duas gemiam, e se esfregavam deixava tudo ainda mais quente, elas gozaram varias vezes até então, e eu me segurando para dar uma gozada bem caprichada.

Por fim, minha namorada ficou por baixo, enquanto a rosadinha deitou por cima e ficaram roçando as duas bucetinhas, por elas estarem tão molhadas, deslizavam facilmente uma sobre a outra, enquanto se mordiam e gemiam gostoso, nessa hora dei uns tapinhas na bunda da amiga que estava por cima e consegui ver seu cuzinho rosadinho, parecia que nunca tinha visto uma rola de tão fechadinho que era, essa seria a cereja do bolo hahaha.

As duas estavam com muito tesão, peguei bastante saliva e comecei a passar no cuzinho dela, por não ter dito nada, comecei a massageá-lo lentamente, quando ela virou e disse:

-Eu nunca fiz anal, mas to com tanto tesão que quero agora.

Falei que iria com bastante jeitinho, minha namorada estava adorando aquela cena, e estava quase gozando apenas de ficar relando na bucetinha rosa da amiga. Comecei a colocar a cabeça do pau no seu cuzinho, bem devagar e sem pressa, a medida que as duas iam aumentando o movimento e gemendo mais alto, meu pau ia entrando bem devagar, depois de alguns minutos ele já estava inteiro dentro, elas gemiam bem alto, a rosadinha estava toda arrepiada, minha namorada foi a primeira a gozar, depois disso a amiga rapidamente soltou um gemidão e bambeou as pernas, nisso eu que já estava segurando o gozo há um tempo, não resisti e tive a maior ejaculação da vida, dentro do cuzinho da safada.

Quando depois de alguns segundos tirei o pau, a danada deu algumas piscadinhas no cuzinho e fez com que a poha escorresse pra sua bucetinha e pra de minha namorada, estávamos todos realizados, todos suados e até sem fôlego, mas para completar as duas se inverteram e começaram a lamber toda a poha no corpo uma da outra, sabia que minha namorada não ia resistir, ela ama que goze em sua boca, imagina tomar poha naquela bucetinha rosinha.

Acabou que dormimos nos três juntos. Depois disso repetimos a dose mais duas vezes, não foi tão intenso quanto essa primeira vez, mas foi muito bom também. E acabei por comer a safada outra vez, só eu e ela, mas essa minha namorada não pode nem sonhar hahaha.

Depois quero escrever contando sobre as outras vezes. Caso alguma garota ou casal tenha gostado da história, fique à vontade para entrar em contanto. ([email protected])

Deixe um comentário