O pecado chamado: Cunhada mais nova

Isso aconteceu a mais ou menos 8 meses. Me chamo Eduardo, namoro com Fernanda há 4 anos, ambos com 25 anos. Tenho duas cunhadas, Paula de 30 anos, casada e mãe de dois filhos, e a Carol de 22 anos que namora com um rapaz há 2 anos.

Hoje vou falar da mais nova, Carol, a que me dá tesão só em falar no nome dela. Quando comecei namorar, minha relação com Carol era muito boa, conversávamos muito, brincávamos, e até briga entre a gente rolava, mas depois ficava tudo de boa. Depois que ela começou a namorar tudo mudou, se fechou, se afastou, e hoje mal me comprometa. Acredito que seu namorado ao ver nossa ótima relação, de alguma forma fez com que ela mudasse. Mas meu desejo por ela só aumentou após isso. Ela tem um belo corpo, é linda e muito comunicativa.

Ler maisO pecado chamado: Cunhada mais nova

Dando uma fugidinha com o padrasto

Adoro festas de fim de ano. Na verdade, adoro é todo tipo de festa. Se você fizer uma, nem que seja de Cosme e Damião, me convida viu? Já virou tradição, sempre comemoramos as festas de Natal na casa de meus avós maternos, isso desde quando meu pai ainda era casado com minha mãe. Faz dois anos que sai da casa de minha mãe e vim morar com meus avós.
Neste ano, como no anterior, minha mãe veio com o André (meu padrasto). Eu tive um envolvimento sexual com ele quando ainda morávamos os três no mesmo lar. Foi um dos motivos pelo qual sai de casa e vim morar aqui. Todavia, nem minha mãe e nem meus avós nunca suspeitaram do nosso envolvimento. Eu que decidi afastar-me antes que a bomba explodisse.

Ler maisDando uma fugidinha com o padrasto

O dia que eu fui a puta do meu meio irmão

Lembro-me do dia que minha mãe viajou com o pai do meu meio irmão, o Jhon, ele era moreno, 1,90, tinha cabelo curto e era muito malhado. Eu era uma ninfetinha, Nova e No meu Cu, e sem ao menos assoprar me perguntava, “tá mais quente, irmãzinha?” eu fazia que sim com a cabeça e ele dizia “e ainda vai melhorar..” em seguida ele bateu na minha bunda até que suas mãos ardessem e não aguentasse mais, nessa hora eu já sentia o meu corpo queimar e a minha buceta escorria só de imaginar que isso era só o começo …

Ler maisO dia que eu fui a puta do meu meio irmão

Irmãs safadinhas trocam de marido e adoram a putaria

Entre Irmãs, uma ajudando a Outra: uma troca de casais

Sou Rafaela e minha irmã Cristina, nós duas somos loirinhas magra, alta e gêmeas nossos corpos igual, cabelos compridos, rostos bonitos, olhos verdes, bocas grandes, seios fartos porem duros, bundas iguais sem celulite empinadas, coxas e pernas bonitas, 31 anos eu Rafaela sou casada há 4 anos. Meu marido Erik 27 anos, moreno bonitinho não alto, a relação que passarei a contar sobre eu e meu marido e minha irmã e seu noivo é de poli–amor. Eu e meu marido moramos em Botucatu/SP, minha irmã e seu noivo Carlos moram em Barra Bonita/SP.

Ler maisIrmãs safadinhas trocam de marido e adoram a putaria

Esconder
Mostrar