Uma bela comida no fast-food

Costumeiramente ele se alimentava em um desses restaurantes de comidas rápidas, conhecidos como fast-foods. Dirigia-se até o caixa, fazia o pedido, pagava, pegava o ticket com o número da chamada e pronto, bastava esperar alguns (muitos) minutos para ser chamado e retirar o prato escolhido. Eduardo procurava ser educado e atencioso com todos os empregados … Ler maisUma bela comida no fast-food

A executiva

Ele andava muito confuso, seus desejos pecaminosos e indecentes tomavam-lhe a razão na grande maioria das vezes, seu raciocínio não era mais o mesmo, seu poder de concentração também não. Ele travava uma batalha interna das mais agressivas, os desejos eram capaz de retirar-lhe também, a dignidade e a hombridade. Era a hora de se … Ler maisA executiva

Diferenças

Ela tinha 23 anos, ele 37, se conheceram no mundo virtual, onde não há limites para a distância, imaginação, nem lugar para inibições. Muito gata, a morena possuía uma pinta sexy no rosto, propositadamente ali adicionada para que despertasse o desejo dos homens, era um afrodisíaco natural, que instigava, despertava e excitava. Os Olhos castanhos … Ler maisDiferenças

A índia

Ela estava apressada, o dia prometia. Já eram quase 07:00 horas da manhã e o tempo corria mais do que metrô no qual ela se encontrava.  Pelo andar da carruagem, ou melhor, pela locomoção do transporte público, seria impossível chegar no horário no serviço. Já na primeira parada, ele entrou no vagão, imediatamente notou aquele … Ler maisA índia

A noite de Natal

Por vezes a vida parece ingrata, quando tudo parece que ficará bem, algo ocorre e, como se fosse uma bola de neve, estraga nossos planos. Todavia, o inverso também é verdadeiro. Carla estava desolada, havia planejado um fim de ano especial, repleto de surpresas e alegria com Marcos, seu noivo. Viagem comprada, presentes adquiridos, reservas … Ler maisA noite de Natal

Esconder
Mostrar